Epistaxe-na-CriancaO sangramento nasal,  também conhecido como epistaxe, é mais comum no inverno quando ocorre maior incidência de resfriados, rinites e sinusites que causam irritação e ressecamento das narinas. Desvio de septo, corpos estranhos no nariz ou qualquer outro bloqueio nasal também podem causar hemorragia nasal.

A maioria das epistaxes ocorre na parte frontal do septo nasal (epistaxe anterior), região rica em vasos sanguíneos. Esse tipo de sangramento nasal pode ser facilmente contido por um profissional treinado. Menos frequentemente, os sangramentos nasais ocorrem na porção mais alta do septo ou mais profundamente no nariz. (epistaxe posterior). Esse tipo de sangramento nasal pode ser mais difícil de controlar.

Às vezes, os sangramentos nasais podem indicar outros distúrbios como transtornos hemorrágicos ou pressão arterial elevada.

Sintomas

Drenagem de sangue pelas fossas nasais, obstrução nasal pela formação de coágulos, vômitos escuros devido ao sangue deglutido em alguns casos.

Tratamento

Higiene nasal, hidratação nasal com solução salina, compressão da fossa nasal sangrante por alguns minutos. Em alguns casos o vaso sangrante precisa ser cauterizado no consultório médico. Quando o sangramento nasal é abundante pode haver necessidade de tamponamento de fossas nasais ou cauterização nasal em centro cirúrgico.

Todas as informações fornecidas neste website têm caráter meramente informativo, com o objetivo de complementar, e não substituir, as orientações do seu(sua) médico(a).

Dr. Eduardo Garcia
CRM-SP 127.022